como vender no youtube

Se o comércio anda meio parado e você sente que precisa tomar alguma atitude para conquistar clientes, já pensou em aprender como vender no YouTube? A rede social já ultrapassou o Facebook e hoje é a favorita dos brasileiros, segundo a pesquisa Global Digital 2019.

Gravar vídeos é uma forma de gerar valor para o produto ou serviço vendido. Com esse tipo de conteúdo, é possível quebrar objeções, mostrar como fazer bom uso do que está sendo comercializado, fortalecer a marca e ser descoberto por novos consumidores em potencial.

Acredita que essa pode ser uma boa ideia? Então acompanhe este post e saiba mais!

Baixe a Lista!

O YouTube como ferramenta de vendas

O YouTube é uma plataforma de vídeos. Ele não foi criado para ser um canal de vendas, mas isso não quer dizer que não seja possível vender por lá. Muita gente pesquisa sobre os produtos nessa rede social quando está no momento de consideração da compra.

Segundo dados do Google, 80% das pessoas afirmam alternar entre buscas na ferramenta e no YouTube quando pesquisam produtos e 55% acessam a rede social para saber mais sobre algo antes de comprar.

Esses consumidores usam os vídeos também para saber como um produto funciona, como é utilizado por outras pessoas e para conferir avaliações autênticas e confiáveis.

Essa é, sem dúvidas, uma das maiores vantagens de vender pelo YouTube. A rede social ainda oferece outros benefícios. Confira:

  • Destaque nas buscas do Google: a página de resultados das buscas sempre traz sugestões de vídeos no topo.
  • Vantagem sobre outras lojas online: muitos players do e-commerce ainda não investem no YouTube.
  • Maior visibilidade do negócio: a produção de conteúdo interessante para os clientes em potencial atrai novas pessoas para o canal.

Agora que você já viu que a presença nessa rede social é uma estratégia interessante para melhorar os números do seu negócio, confira alguns passos para saber como vender no YouTube.

Como vender no YouTube

Ao contrário dos conteúdos produzidos para outras redes sociais, os vídeos para o YouTube dão mais trabalho e demoram mais para ficarem prontos. Afinal, precisam de roteiro, captação e edição antes de serem postados.

Sendo assim, é normal que, no início, o canal não tenha uma grande quantidade de conteúdos disponíveis. Por isso, o que estiver divulgado lá precisa ser bem planejado e executado. Veja como fazer isso!

Conheça o público

Para conhecer bem o cliente, é necessário entender quais são suas necessidades, o que o leva a buscar pelo seu produto, quais são as objeções, os anseios, as preocupações e as expectativas. Com todas essas informações reunidas, dá para criar um perfil semifictício de cliente ideal, chamado de buyer persona.

A definição da persona é muito importante para o marketing. A partir dela, consegue-se criar um planejamento com base em dados e saber o que dizer no processo de execução desses planos.

Se você vende roupas, por exemplo, e sabe que uma das objeções da sua persona ao comprar online é a falta de possibilidade de provar a peça, pode gravar um vídeo com pessoas de diferentes tipos físicos vestindo o mesmo produto.

Crie vídeos baseados nos temas de interesse da persona

Uma boa estratégia para quem quer saber como vender no YouTube é a criação de vídeos baseados nos temas de interesse da persona. Aqui, estamos falando de conteúdo relevante e informativo, e não apenas de material promocional ou com ofertas.

Voltando ao exemplo da loja de roupas, se o empreendedor tem a informação de que a persona gosta de ver dicas de moda, pode criar um quadro sobre isso no canal e até fazer parcerias com influencers desse nicho.

Nesses casos, o importante é ter sempre em mente que o conteúdo dos vídeos precisa se relacionar de alguma forma com o produto vendido. Afinal, o foco do canal não é entretenimento.

Uma boa proporção é ter entre 20% e 30% do conteúdo do canal com esse tipo de vídeo.

Tenha ferramentas de qualidade

Vídeos amadores e mal produzidos podem prejudicar a imagem da marca. Esse é justamente o contrário do objetivo de ter um canal nessa rede social. Por isso, quem quer aprender como vender no YouTube precisa estudar sobre produção de vídeos ou, se possível, investir na contratação de uma produtora.

Quem pretende iniciar produzindo o próprio material deve ter uma boa câmera e um tripé que garanta imagens estáveis, boa iluminação e uma ferramenta de edição. Antes de começar a gravar, também é preciso fazer um roteiro do que será dito. Isso otimiza as gravações e evita perda de tempo com erros.

Preencha corretamente as descrições e tags

Ao publicar um vídeo no YouTube, é muito importante preencher corretamente todos os campos de informações que aparecem na plataforma. Tudo isso ajuda no ranqueamento do conteúdo nas buscas dentro do site e em outros buscadores, como o Google.

O vídeo deve ter um título claro e objetivo, que contenha a palavra-chave que inspirou a criação daquele conteúdo. O mesmo acontece com a descrição, que, além da palavra-chave, deve ter outros detalhes sobre o material e links que levem o espectador diretamente para a loja. Não esqueça também de preencher as tags.

Antes de fazer o upload, nomear o arquivo do vídeo utilizando a palavra-chave é uma forma de reforçar a otimização do seu conteúdo para os buscadores da internet.

Como atrair pessoas para o canal

Quem procura saber como alavancar o negócio pelo YouTube certamente tem como objetivo o aumento das vendas. Para que isso aconteça, é preciso atrair novos clientes para o canal. Assim, eles passam a conhecer a empresa e o produto e podem começar a desejá-lo.

Usar as redes sociais é a melhor estratégia para isso. Sempre que tiver um novo conteúdo, divulgue o material em todos os seus canais de comunicação com o público.

Publicar vídeos com frequência, interagir com a audiência, fazer parcerias e manter o canal organizado também são excelentes formas de causar uma boa impressão nos internautas que chegam até a página.

Use o YouTube para vender mais na internet!

O YouTube é uma excelente ferramenta de vendas e pode ser o que faltava para alavancar as suas vendas online. Ao lado de outras estratégias, como a presença em marketplaces, essa rede social pode trazer ainda mais visitas para a loja online e mais credibilidade para a marca.

Agora que entende a importância dos vídeos para o crescimento do negócio e já sabe como vender no YouTube, o próximo passo é fazer o planejamento para o novo canal. A melhor opção é começar produzindo conteúdos básicos, mostrando os usos para os produtos mais vendidos.

Para ajudar na divulgação da loja, que tal dar uma conferida no canal do Olist? Lá você encontra dicas para vender em marketplaces, tira dúvidas e ainda se inspira para produzir o seu próprio conteúdo!

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui