Begin typing your search above and press return to search. Press Esc to cancel.

Plataforma de E-commerce: guia de como escolher


O que é e como funciona uma plataforma de e-commerce

A plataforma de e-commerce é o sistema no qual está sua loja virtual, que possibilita personalizá-la e também gerenciá-la, incluindo produtos, gerenciando estoques e preços, além de outras funções que fazem parte do dia a dia de um comércio eletrônico.

No e-commerce, o empreendedor tem a autonomia de construir uma loja virtual. Nesses casos, independentemente do que pretende vender, ele precisa buscar por uma plataforma que atenda todas as suas necessidades e dores que encontra no mundo virtual das vendas.

Confira no post de hoje o guia de como escolher a plataforma ideal para sua loja virtual!

Contrate o olist agora mesmo

Defina seu nicho de mercado e seu orçamento 

Antes de mais nada, é preciso compreender o mercado no qual você vai atuar, bem como suas especificidades.

É necessário que a plataforma possibilite o cadastro de artigos, categorias e subcategorias. Por exemplo: roupas (cor, tamanho, tecido) ou brinquedos (inflável, de montar, idade recomendada). 

Depois de considerar todas as suas necessidades e plataformas possíveis para te atender, não se esqueça de montar um orçamento.

Antes da lista dos recursos importantes, precisamos ter conhecimento do valor que você tem disponível para investir na plataforma da sua loja virtual, que vai depender muito do objetivo de negócio e seu alcance. Provavelmente, você não quer gastar dinheiro à toa e sem retorno, certo?

É claro que quem é iniciante nesse tipo de negócio sempre tem altas expectativas. Entretanto, quando for a hora de escolher uma plataforma de e-commerce é preciso considerar o tamanho real da empresa e sua projeção de crescimento a curto e médio prazo. Assim, você poderá buscar parceiros capazes de atender às suas demandas sem precisar pagar por serviços que não irá utilizar no momento. 

Busque por plataformas que possuam uma grade de planos que atenda ao seu negócio independente do tamanho.

A iSET, por exemplo, é uma ótima plataforma de e-commerce tanto para quem está iniciando no mercado quanto para quem já possui um negócio online e deseja aumentar suas vendas. Além de planos econômicos para lojas virtuais em estágios iniciais — com consultoria de e-commerce, negócios e marketing digital para ajudar na escalada da loja —, a empresa tem planos avançados que atendem a e-commerces com grande volume de acessos.

Segurança

Agora o que interessa é a segurança da sua loja e a privacidade dos dados dos seus clientes. 

É de suma importância que a plataforma permita que sua loja utilize um certificado de segurança SSL (Secure Sockets Layer). Consulte também os valores do certificado e como é o suporte e instalação desse recurso. O ideal é que você precise apenas contratar e pagar pelo certificado, ficando toda a instalação e configuração a cargo da plataforma.

É preciso que você faça testes de atendimento para ter certeza que terá a ajuda que precisar e quando precisar nas várias etapas ao criar sua loja virtual ou aprimorar seu negócio online, inclusive conhecendo a fundo os recursos da plataforma.

Canais importantes de suporte que sua plataforma deve ter são:

  • Sistema de Tickets ou Chamados
  • Chat online
  • Email
  • Telefone

Procure por uma plataforma de e-commerce que tenha uma infraestrutura confiável, intuitiva, completa e que possua experiência de mercado, atendendo lojas virtuais de todos os tamanhos e em todos os segmentos. Pesquise se a solução possui elevado nível de tecnologia, velocidade e disponibilidade, além de oferecer suporte total a cada etapa de criação e evolução de uma loja virtual.

Veja se no site da plataforma encontram-se avaliações de clientes reais, leia com atenção e sempre procure por críticas (caso tenham sido respondidas ou resolvidas, isso mostra que a plataforma se importa com seus clientes).

Layout e personalização

Quanto maior a personalização, maior potencial de atração. É muito importante que a plataforma de e-commerce da sua escolha tenha a capacidade de lhe ajudar a oferecer uma incrível experiência de compra para seu cliente, através de um layout bonito e moderno, além de, claro, ter várias opções de cores e temas totalmente personalizáveis.

Plataformas que possibilitem que você personalize totalmente seu site fazem com que você tenha mais autonomia, o que é muito importante no processo de crescimento de sua loja virtual. Escolhendo uma plataforma adequada, você mesmo poderá cuidar de tudo na criação da sua loja, sem depender de terceiros, nem programadores, caso não queira. Você poderá criar sua loja sozinho, do jeito que desejar.

Outro diferencial importante é a plataforma lhe oferecer acesso a adaptar o código CSS da loja, permitindo uma maior personalização.

Tomando como exemplo a iSET novamente, além de ela possuir uma gama de temas gratuitos para sua loja virtual, ela ainda conta com um departamento de criação, dedicado a trabalhar em projetos personalizados para nossos clientes.

Pense nas integrações

Por fim, considere optar por aqueles que ofereçam integrações importantes, como:

  • Lista de desejos: Essa possibilidade é um facilitador para o cliente que pode simplesmente selecionar os itens que mais despertaram o seu interesse e finalizar a compra depois. Isso evita que ele perca aquela oferta tão desejada;
  • Design responsivo para e-commerce: esse sistema é capaz de adaptar a página da sua loja virtual à tela dos aparelhos móveis, sem a necessidade de utilizar uma URL diferente, o que gera uma melhor experiência para o usuário. Dessa forma, a navegação flui com mais tranquilidade e a identidade visual permanece intacta;
  • Atendimento ao cliente: Ter um bom sistema de comunicação é outro recurso fundamental. A ferramenta deve ter todo o suporte para tirar dúvidas e solucionar problemas, tanto por telefone, chat online ou via ticket de atendimento. Isso deve acontecer sem nenhuma interferência;
  • Integração da plataforma de e-commerce com marketplace: A possibilidade de vender os seus produtos em grandes lojas como Submarino, Americanas e Casas Bahia é um passo essencial para aumentar seus lucros. 
  • Oferecer as formas de pagamento corretas para o seu público pode impactar muito no faturamento da sua loja virtual. Por isso, é importante que a sua plataforma ofereça o recurso de integração com os canais mais utilizados no mercado.
    • Boleto Bancário Próprio
    • Depósito Bancário
    • Gateways de Pagamento: Pagar.me, Vindi, Mundipagg e Braspag.
    • Adquirentes: Pagar.me, Stone, Cielo e Redecard.
    • Intermediadores: Pagseguro, Paypal, Bcash e Moip.
  • Várias opções de formas de envio, como JadLog, SEDEX, PAC e o E-sedex. Também é essencial ter uma assimilação direta com os Correios. A plataforma ainda deve ter um sistema logístico para lidar com transportadoras e a possibilidade de customizar o frete, permitindo pelo menos a configuração de dois fretes com a viabilidade de montar uma tabela de CEP, pesos e valores.
  • Checkout transparente: aumenta a taxa de conversão de suas vendas online e dá mais segurança para os clientes no momento da compra. Por definição, esse tipo de recurso permite que o cliente pague a compra diretamente no e-commerce — isto é, ele não é redirecionado para nenhuma página de cadastro de pagamento, fora da loja virtual.

Com todas essas informações, é intuitivo pensar que é muito complicado analisar uma plataforma que combine com você e sua loja virtual, pois são muitos fatores que influenciam nessa decisão.

A plataforma escolhida deverá te ajudar a administrar e centralizar todas as variáveis que fazem parte do processo de venda online — gestão de estoque, meios de pagamento, envios, entre outros —, para que este seja o mais fluido possível. Por isso, o processo de escolha deve ser feito com calma e muita pesquisa.

Ficou com alguma dúvida sobre sua futura plataforma de e-commerce? A iSET pode te ajudar!

Venda mais com o Olist

1 Comentário

Adicione o seu

+ Deixe um Comentário