Begin typing your search above and press return to search. Press Esc to cancel.

Como aumentar o ticket médio no e-commerce: 6 ações que REALMENTE funcionam!


Como aumentar o ticket médio no e-commerce: 6 ações que REALMENTE funcionam!

Aqui no Blog Universo Marketplace sempre falamos sobre a importância de os lojistas terem planejamento e dedicação. A razão disso é a quantidade de responsabilidades que ficam à cargo desses profissionais. Além de cuidarem de toda a operação, eles precisam desenvolver estratégias para melhorar os números da empresa. E, nesse contexto, uma das métricas que merece muita atenção é o ticket médio das vendas.

Entretanto, apesar de ser tão relevante para os negócios, o ticket médio ainda é subestimado por alguns lojistas. Por isso, preparamos este post especial para ajudar quem ainda não entende muito do assunto. Descubra a seguir o que é o ticket médio, por que ele é importante, como calculá-lo e de que forma melhorá-lo no e-commerce!

Contrate o olist agora mesmo


Ticket médio: o que é e por que importa para os e-commerces

O ticket médio representa a média de valor gasto em cada compra realizada na loja em determinado período. Isso significa que quanto maior for o ticket médio, mais dinheiro os consumidores estão gastando com a marca, o que é excelente para o faturamento. Sendo assim, essa métrica é importante porque revela o quão eficaz está sendo a estratégia comercial da loja e quais pontos podem ser melhorados.

Para tornar isso mais claro, trouxemos alguns dados de referência. O 39º relatório Webshoppers revela que o ticket médio do e-commerce em 2019 deve chegar a R$ 447. Contudo, os valores variam bastante quando analisados de acordo com o segmento dos produtos. Listamos abaixo o ticket médio registrado por sete categorias em 2018, conforme aponta o Webshoppers 39:

  • Eletrônicos: R$ 1.158
  • Eletrodomésticos: R$ 804
  • Informática: R$ 802
  • Casa e decoração: R$ 391
  • Esporte e lazer: R$ 246
  • Perfumaria, cosméticos e saúde: R$ 181
  • Moda e acessórios: R$ 177

Use essas informações para avaliar o desempenho do seu e-commerce. Identifique qual é o ticket médio das suas vendas em cada categoria e compare-o com os números acima. Se os resultados forem superiores, parabéns! Isso significa que você está à frente da maioria dos concorrentes. Agora, se o valor estiver muito abaixo da média da pesquisa, você precisa melhorar a estratégia da sua loja com urgência.

No entanto, antes de partirmos para as ações de otimização dessa métrica tão importante, vamos explicar como calcular o ticket médio da loja. Confira a seguir!

Como calcular o ticket médio das vendas da sua empresa

Já avisamos de antemão que este tópico será curto. Isso porque calcular o ticket médio é extremamente simples. Basicamente, você vai precisar de duas informações: o faturamento total da sua loja em determinado período e o número de vendas realizadas nesse intervalo de tempo. A partir disso, é só fazer a seguinte conta:

Faturamento ÷ Número de Vendas = Ticket Médio

Vamos dar um exemplo com base nos resultados do comércio eletrônico brasileiro em 2018. Nesse período, o e-commerce faturou R$ 53,2 bilhões e recebeu cerca de 123 milhões de pedidos (número arredondado). Dividindo o faturamento pelo total de vendas, temos um ticket médio de R$ 432. Fácil, não?

Tendo isso em vista, a dica é analisar o ticket médio não apenas em relação ao período anual. Caso faça sentido, confira o resultado semestral, mensal e até por campanhas temáticas – como Natal e Black Friday, por exemplo. Assim, você conseguirá desenvolver ações segmentadas e ainda mais eficientes para melhorar o faturamento!

6 estratégias para aumentar o ticket médio da sua loja online

1. Oferecer frete grátis em compras acima de determinado valor

Esta é uma das ações mais eficientes para aumentar o ticket médio das vendas no e-commerce. Ao oferecer frete grátis em compras acima de um valor mínimo, o lojista incentiva o cliente a gastar mais para ter acesso ao benefício. O frete é um dos fatores que mais influenciam a decisão de compra do público. Portanto, usar essa estratégia pode aumentar não só o ticket médio da sua loja como também a taxa de conversão!

2. Dar descontos progressivos

Outra tática eficaz é dar descontos progressivos. Na prática, significa que quanto mais o cliente gastar, maior será o desconto na compra. Com isso, ele se sentirá impelido a adquirir mais produtos para aproveitar ao máximo a promoção. Você pode, por exemplo, oferecer 10% de desconto a cada R$ 200 gastos na loja. Lembre-se, porém, de ter planejamento ao dar o benefício e de limitá-lo a uma porcentagem máxima de desconto.

3. Fornecer brindes e fazer sorteios

Os lojistas sabem que clientes amam promoções, brindes e sorteios. Então por que não aproveitar tais ações para aumentar o ticket médio da sua loja? Recompense os clientes que fizerem compras acima de determinado valor com brindes especiais, vouchers de desconto, cupons para sorteios e embalagens exclusivas. Além de estimular o público a gastar mais para ter acesso aos benefícios, essa prática aumenta a taxa de fidelização.

4. Ter um portfólio diversificado

A lógica por trás desta dica é bastante simples: lojas que têm um portfólio amplo dão ao público um leque de escolhas muito maior. Por isso, é interessante investir na diversificação do catálogo, incluindo novas categorias, marcas, produtos e modelos. Para ser assertivo nas suas escolhas, comece identificando quais são os itens em tendência no mercado. O Google Trends e a série Grandes Listas Olist podem te ajudar nisso!

5. Montar kits e indicar produtos relacionados

Vender kits de produtos é uma estratégia eficiente e fácil de ser aplicada. Ao mesmo tempo em que o cliente ganha um bom desconto ao comprar o conjunto de mercadorias, a loja aumenta significativamente o ticket médio. Mais uma sugestão é que o e-commerce recomende produtos relacionados à compra para incentivar o cliente a adquirir mais itens. Abaixo, você pode ver um exemplo dessa prática.

Recomendação de itens relacionados a uma calça, em um e-commerce de moda. | Reprodução: Amaro
Recomendação de itens relacionados a uma calça, em um e-commerce de moda. | Reprodução: Amaro

6. Investir na fidelização do cliente

O objetivo de todo lojista é ter recorrência nas compras. Pensando nisso, é muito importante se dedicar à fidelização dos consumidores. Ao serem cativados pela sua marca, eles irão comprar tudo o que for possível com você e também compartilhar as experiências positivas com outras pessoas. O resultado disso será a atração de novos clientes, ganho de visibilidade no e-commerce e aumento no faturamento!

Aumentar o ticket médio das vendas pode ser mais fácil do que você imagina!

Agora que você já sabe tudo de mais importante sobre ticket médio, é hora de colocar mãos à obra! Separe os dados referentes às suas vendas, faça os cálculos corretos e defina estratégias para otimizar os resultados da loja. Seguindo as nossas dicas, será muito mais fácil aumentar o faturamento, fidelizar os clientes e conquistar uma performance incrível!

Aproveite para saber o que são os marketplaces, canais de venda com excelente potencial de negócio!

Venda mais com o Olist

Como aumentar o ticket médio no e-commerce: 6 ações que REALMENTE funcionam!
5 (100%) 6 votos

+ Nenhum comentário

Adicione o seu