frete alto e abandono de carrinho

Um problema muito comum entre os profissionais que administram uma loja online é o abandono de carrinho. Afinal, nada é mais frustrante do que levar o usuário até a página de pagamento, mostrar todo o seu site e, no fim, ele desistir da compra. As razões para isso podem ser as mais variadas, como o layout e a falta de confiança na segurança do site. O frete alto, porém, também é comum.

O grande desafio de qualquer lojista virtual é conseguir equilibrar o preço do frete entre o que não vai afastar os consumidores e o que não vai prejudicar o faturamento da loja. Muitas vezes, porém, esse desafio se torna complexo pela falta de recursos do e-commerce, mas existem inúmeras maneiras de contornar esse problema com eficiência.

Que tal, então, se aprofundar um pouco mais nesse assunto e evitar que o frete alto atrapalhe o desempenho de vendas da sua loja online? Veja algumas estratégias para você reduzir a taxa de abandono de carrinhos e evitar que o frete para a entrega dos produtos seja um obstáculo para a transação. Continue a leitura!


Por que você deve evitar o abandono de carrinho ao máximo?

Antes de conhecer as estratégias, é importante entender as razões para evitar ao máximo uma alta taxa de abandono de carrinho na sua loja virtual. Apesar de ser uma questão comum — cerca de 80% do e-commerce brasileiro sofre de abandono de carrinho —, ele pode ser extremamente prejudicial para o seu negócio a longo prazo.

As razões são as mais variadas, como demora na entrega do produto, usabilidade ruim da sua página, forma de pagamento não disponível, problemas técnicos, frete alto ou a simples indecisão do consumidor na hora de efetuar a compra. Você não quer perder uma venda por conta do frete, certo? Para isso, é preciso seguir algumas práticas eficientes.

Abandono de carrinho por frete alto: orientações para evitar esse problema

Quais táticas você deve adotar para evitar o abandono de carrinho por conta do frete alto? Confira, abaixo, as ações que pode adotar em seu e-commerce para evitar que os consumidores desistam de uma compra por conta do valor a ser cobrado para a entrega.

Independentemente de qual seja o seu modelo de negócio ou mesmo dos recursos necessários, existem diferentes formas para reduzir os custos do frete e, assim, evitar a perda de mais vendas.

Crie estratégias para oferecer frete grátis

Por mais que diminua a sua margem de lucro, uma forma de aumentar o volume de vendas e os rendimentos totais é oferecer o frete grátis sob determinadas condições. Para ativar esse benefício, você pode estabelecer uma determinada quantidade de itens a serem comprados em conjunto ou oferecer o recurso para produtos selecionados, de modo a minimizar o impacto nos lucros.

Trabalhe com um valor mínimo de compra

Uma forma muito comum de reduzir os problemas com o frete alto é fixar um valor mínimo para frete grátis. Ou seja, o cliente precisa gastar acima de, por exemplo, R$200,00 para que a entrega seja gratuita. Tudo isso, porém, precisa ser avaliado com cautela, para definir um valor que seja justo para você, mas que também não afaste o usuário. O ticket médio das compras pode ser um termômetro.

Invista no cross-selling

Seguindo a mesma linha de pensamento dos tópicos anteriores, você pode investir em uma estratégia de cross-selling. Ou seja, incentivar o usuário a comprar um complemento para o produto selecionado inicialmente e, assim, reduzir o valor do frete ou, até mesmo, oferecer a opção gratuita. Assim, o cliente fica tentado a adicionar um item em vez de pagar pela entrega.

Ofereça a opção de retirar na loja

Caso o seu negócio também tenha loja física, muitas vendas podem ser salvas com a possibilidade de retirar o produto no local. Ou seja, o cliente efetua a compra online e pode passar no estabelecimento quando for do seu interesse. Se esse não for o caso, é possível criar parcerias com outras lojas ou Correios para oferecer esse mesmo benefício aos usuários, por exemplo.

Tenha mais de uma opção de frete

Limitar o frete a uma única opção também pode ser um erro. Por isso, tente oferecer ao cliente diferentes alternativas para que ele mesmo escolha a melhor solução para suas necessidades. Afinal, alguns usuários podem preferir a entrega rápida, enquanto outros querem um valor menor. Assim, a experiência do usuário se torna melhor, e ele fica à vontade para escolher aquilo que julgar como o melhor caminho.

Não se esqueça do Dia do Frete Grátis, que ocorre anualmente na última semana de abril. É uma ótima estratégia para atrair clientes e aumentar a taxa de conversão. 

Otimize a logística da empresa

Outra opção — talvez um pouco radical — é modificar o processo de logística. Caso nenhuma das ações acima dê os resultados esperados, você pode tomar a decisão de procurar outro parceiro para realizar o transporte. Esse, inclusive, é o momento ideal para conseguir um preço mais em conta e, consequentemente, reduzir o frete alto da sua loja.

Outro elemento que não pode ser ignorado na sua operação de vendas é a tabela de contingência de frete. Ela serve como um mecanismo de segurança para suas vendas e fornece as informações sobre frete em caso de indisponibilidade do sistema. Essa tabela é cadastrada de forma adicional pelo lojista no site.

Qual é a importância de acompanhar os seus resultados?

Engana-se quem pensa que, após realizar as melhorias internas, o trabalho acabou. Afinal, nada disso vai ser aproveitado se os resultados não forem acompanhados de perto. É a partir do monitoramento de tudo o que está sendo feito que se torna possível identificar erros e, assim, encontrar as soluções mais indicadas para cada situação.

Após a implementação dessas orientações, é importante verificar a efetividade das suas ações. Cada meio de comercialização tem a sua particularidade, e o que funcionou um dia pode ter parado de gerar resultados. O monitoramento constante permite que você identifique qualquer necessidade de mudança na estratégia para evitar o abandono de carrinho por conta do frete alto.

Fique por dentro de outros assuntos relevantes como este para o sucesso do seu negócio! Assine aqui nossa newsletter e receba conteúdos diretamente na sua caixa de entrada!

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui