quinta-feira, 4 junho, 2020
Início Notícias Walmart encerra vendas online no Brasil: saiba por que e entenda os...

Walmart encerra vendas online no Brasil: saiba por que e entenda os impactos

8
Walmart encerra vendas online no Brasil: saiba por que e entenda os impactos

Quem acompanha o mercado de e-commerce já deve estar sabendo que recentemente o Walmart encerrou as vendas online no Brasil. O fim do site da empresa no país foi anunciado no dia 10 de maio, e a notícia pegou muita gente de surpresa. Considerado um dos maiores varejistas do mundo, o Walmart decidiu suspender a estratégia online e, neste momento, focar na operação em lojas físicas de atacado e varejo.

A seguir, explicamos detalhes sobre por que o Walmart tomou essa decisão e quais são os impactos dela para lojistas e consumidores. Também compartilhamos dicas de como as lojas podem manter as vendas em alta mesmo com o fim do marketplace. Confira!

Saiba mais

Por que o Walmart encerrou as vendas online no Brasil?

O Walmart decidiu suspender as vendas online no Brasil devido a uma reestruturação no modelo de negócio da empresa. Em um comunicado oficial, a marca afirmou o seguinte: “O Walmart Brasil anuncia hoje os primeiros passos na reformulação da sua estratégia digital. Inicialmente, será descontinuada a operação de marketplace, que hoje representa uma parcela mínima das vendas totais da companhia”.

Agora, o foco passa a ser nas lojas físicas do Walmart – ao todo, há 400 unidades espalhadas pelo Brasil –, no clube de compras da rede e no potencial do atacarejo. Além disso, a companhia pretende desenvolver uma estratégia omnichannel efetiva, que realmente integre o comércio offline ao online. O novo modelo começou a ser pensado quando parte da empresa foi comprada pelo fundo Advent International.

Apesar de a medida surpreender o público, a operação online do Walmart já dava sinais de desgaste. Em 2017, a varejista deixou de vender produtos próprios no site e passou a atuar apenas como marketplace, conectando lojistas e consumidores. No entanto, as vendas no canal eram muito pequenas quando comparadas a outras frentes. Por isso, a companhia optou por encerrar as atividades virtuais neste momento de recuperação.

O Walmart anunciou o encerramento das vendas online no Brasi. | Reprodução: G1
O Walmart anunciou o encerramento das vendas online no Brasi. | Reprodução: G1

O que acontece com lojistas e consumidores do site?

O Walmart comprometeu-se a cumprir todas as cláusulas dos contratos com lojas e clientes do marketplace, pegos de surpresa com o fim do site. A empresa irá realizar normalmente o pagamento dos valores devidos aos cerca de três mil lojistas que anunciavam produtos no canal. Junto a isso, a companhia continuará oferecendo suporte aos consumidores que desejarem realizar trocas.

Dos 90 funcionários da operação online do Walmart, 70 foram demitidos por conta do encerramento das atividades. Os demais continuarão trabalhando para atender às demandas relacionadas aos pedidos já realizados no site. Dúvidas de clientes podem ser resolvidas pelo e-mail atendimento@walmart.com.br. Já no caso de lojistas, o contato deve ser feito pelo comunmktp@wal-mart.com.

Como continuar vendendo online sem o marketplace do Walmart?

O encerramento do site do Walmart não diminui o potencial de negócio dos marketplaces. Esses canais são excelentes vitrines para pequenas, médias e grandes marcas e estão em clara expansão. A pesquisa Panorama dos Marketplaces no Brasil, da Precifica, revela que o número de lojistas nesses canais cresceu 90% entre setembro de 2017 e 2018.

Portanto, lojas que vendiam seus produtos no Walmart têm a opção de migrar a operação para outros marketplaces. A dica aqui é diversificar os canais de venda, para evitar a dependência de uma única plataforma. Neste post do blog listamos os principais varejistas online do Brasil. Então confira as opções e veja quais delas mais se adequa às suas necessidades.

E caso você queira conquistar um desempenho ainda melhor nesses sites de venda, faça parte do Olist! Somos a maior loja de departamentos dos marketplaces e estamos presentes em mais de 10 canais diferentes, como Amazon, Carrefour e Casas Bahia, por exemplo. Com a nossa tecnologia e alta reputação, mais de 5.000 lojistas estão vendendo nos principais site do país. Clique aqui para conhecer o Olist.

Aproveite para descobrir como o Olist tem ajudado a Tiger Bras a vender mais de R$ 3 mil por dia!

Venda mais com o Olist

8 comentários

  1. Muito ruim saber que uma empresa online renomada sai do comércio online. Isto é culpa dos governos sem vergonhas que estão acabando com os negócios no Brasil Vamos orar para que Deus faça justiça no Brasil e coloque estes governos na linha. Por que é só Deus para fazer isso. Abs

  2. É uma pena, pois durante muito tempo comprei no Walmart na loja virtual, e sempre foi minha primeira opção de compras online! Uma loja que tinha um ótimo atendimento, entrega rápida e os melhores preços!! Valeu Walmart!!

  3. o povo q comanda o walmart são mt doido meu, o futuro são as compras online, eles estão indo na contra mão de tudo… eles fecharam o negócio online para demitir 70 funcionarios, como se isso fosse diminuir algum gasto, não é possivel que estou lendo uma coisa dessas… aos proprietários do walmart, larguem mão de ser burros, e mantenham o site online e para lojas fisicas começem a abrir walmarts em lugares pobres, em vilas pequenas, pensem em criar pequenos walmarts, ai sim vcs vão abocanhar a maior fatia do bolo… nao adianta fazer walmart só em bairro rico, rico não faz compra, rico vai jantar em restaurante

  4. Lamentável !!! Durante vários anos comprei no Walmart online e nunca tive problemas com entrega e produtos sempre fiquei muito satisfeita !
    Fiquei muito triste pelo encerramento online dessa grande empresa.

  5. Eles disseram que estão focando em lojas físicas que dão mais lucro que online …. online abrange o Brasil inteiro, loja física não, moro no interior do Rio de Janeiro e nem sei onde tem uma loja física, acho que so no Centro do Rio …. vou ter que me deslocar ate a loja quando podia com comodidade comprar meus produtos? isso não cola, esta completamente contra a evolução das vendas, vendas online são o futuro econômico e de lucros, foi uma grande perda, eu comprava muito, era minha primeira opção para compras, fiquei realmente frustrado com isso.

  6. Fiquei surpresa, não sabia dessa decisão. Uma pena. Moro na cidade de Maringá/PR, tínhamos aqui três lojas grandes Big que pertence ao mesmo grupo, infelizmente foram fechadas, várias pessoas perderam seus empregos. Isso é triste.

  7. e agora, todo mundo preso em casa, lojas vazias e sem opção de vendas on line.
    o walmart não funcionava bem no online por deficiência do pessoal deles, era melhor contratar alguém da concorrência que entendia do assunto que fechar o canal de vendas.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui