SEO para e-commerce: Cinco erros comuns


5-erros-comuns-de-SEO-para-e-commerceConstantemente, as equipes de marketing enfrentam o desafio de fazer os seus sites de comércio eletrônico saltarem aos olhos das pessoas sem, simultaneamente, fazê-los fugir das propagandas que parecem incômodas. Essa é uma tarefa difícil no mundo onde as mudanças são constantes nos algoritmos de busca do Google.

Felizmente, um gestor de e-commerce que está sempre atualizado e estudando as novidades, conhece esse campo melhor do que ninguém! Ainda assim, por meio deste artigo queremos compartilhar, tendo em vista a facilidade com que as pessoas os cometem, alguns equívocos corriqueiros.

Quer evitar ser mais uma vítima deles? Confira abaixo os erros mais comuns de SEO para e-commerce!

1. Fazer uma escrição mal-feita do produto

Conhece o ditado “uma imagem vale mais do que mil palavras”? Bem, o Google não pensa assim, pelo menos em seu sistema de ranqueamento.

Se o seu produto não tem uma descrição de texto sólida, o posicionamento nos motores de busca será prejudicado. Mas não entre em pânico e faça descrições dos produtos de qualquer jeito apenas por fazer! Descreva os seus produtos de forma que provoque interesse no potencial comprador, para que ele sinta vontade de saber mais a respeito

2. Escrever títulos genéricos

A tag de título “<title>”, presta-se a informar, tanto os motores de busca quanto os usuários, qual é o tema principal de cada endereço. Dessa forma, o ideal é que se evite utilizar os títulos genéricos, de maneira que eles não apresentam relação com a página a ser divulgada.

Jamais deixe, nesse espaço, títulos como “Sem título” ou “Página 1”. Os títulos devem ser únicos e inclusive, não devem ser os mesmos para um conjunto grande de endereços, devendo estes serem objetivos, descritivos, úteis para a informação dos usuários e apenas com as palavras-chave necessárias.

contrate o olist agora mesmo

3. Não permitir que os clientes ofereçam a sua opinião

Os depoimentos a respeito dos seus produtos são uma das melhores formas de fazer o seu site subir posições no ranking. Aproximadamente 70% dos compradores querem ler sobre o que as outras pessoas pensam a respeito dos produtos que desejam comprar e, desta forma, o Google favorece os produtos que possuem um grande número de avaliações do que os mais vendidos. Portanto, use uma ferramenta para que as pessoas comentem sobre as mercadorias e ajudem o seu site a subir nas colocações!

4. Deixar de integrar a página com as mídias sociais

Se você é ativo nas mídias sociais, tendo uma rotina de postagens de qualidade, a possibilidade de que você ganhe elogios é muito maior. Mas não deixe que esses esforços sejam em vão, por esquecer de incluir links de redes sociais em seu e-commerce. Os compradores estão procurando por esses botões para saber o que encontrarão do outro lado, o que os auxilia na hora de formar a opinião a respeito dos produtos desejados ou a respeito marca.

5. Duplicar o conteúdo

Esta é uma das situações em que o Google “penaliza” as páginas diante do ranqueamento. Jamais se esqueça de se atentar a este detalhe. Ao verificar as tags, tenha certeza de que não se trata de conteúdo repetitivo, o que pode fazer com que você perca o seu trabalho.

Ainda tem dúvidas a respeito dos erros comuns de SEO para e-commerce? Existe alguma experiência que gostaria de compartilhar? Aproveite os comentários e participe dessa conversa!


Categories

+ Nenhum comentário

Adicione o seu