Como controlar o estoque da minha loja virtual?


Como-controlar-o-estoque-da-minha-loja-vitual?Quando alguém se encoraja a montar um empreendimento de e-commerce, a meta é sempre ter uma quantidade boa de ganhos, aliada ao baixo custo de divulgação e de manutenção do negócio. Mas é fundamental compreender que a vida do empreendedor virtual não é algo tão simples, como muitos pensam.

Neste contexto, um dos aspectos importantes é a administração da quantidade de mercadorias disponíveis para a venda, o que pode parecer algo banal, mas que carrega muitos segredos. Pensando nisso, nosso post de hoje dá informações importantes sobre como controlar estoque de loja virtual.

Acha a gestão de estoques chata de ser feita? Saiba que ela faz toda a diferença no sucesso de um negócio. Acompanhe-nos e saiba mais a respeito do assunto!

Princípios fundamentais que definem uma boa gestão

  • Ter estoque suficiente para satisfazer a demanda;
  • Mas não na medida em que uma elevada quantidade de capital esteja “empatada”.

Muitas empresas não conseguem integrar o seu gerenciamento de inventário em seus processos. Isso acaba gerando graves consequências negativas para o crescimento do empreendimento a longo prazo e, no decorrer dos próximos tópicos, estão os principais motivos para isso.

Uma gestão inadequada dos estoques pode arruinar suas vendas e transformar a experiência do cliente em algo terrível. Pense em um comprador que percorre todo o caminho até o check out, apenas para ser informado de que o produto que ele quer não está mais em estoque. Ou pior ainda: o cliente que realiza o pagamento e recebe um e-mail alguns dias depois, informando que o item não está disponível.

Tenha consciência de que, neste caso, a falta de estoque não afeta apenas aquela venda em si, mas a reputação de sua marca fica bastante “arranhada” em função disso. Lembrando que, em tempos de redes sociais, isso pode acabar tomando uma proporção indesejada.

contrate o olist agora mesmo

Como pensar sobre o gerenciamento de estoque

A maioria dos varejistas de comércio eletrônico sabem que devem acompanhar de perto e refinar suas técnicas de gerenciamento de estoques. Mas quais devem ser as questões a serem acompanhadas com mais atenção?

1. Garanta a consistência das informações

Em locais físicos, ter acesso a informações precisas sobre o estoque em todos os armazéns disponíveis (sobretudo os dos fornecedores) e locais de vendas é fundamental para ser capaz de satisfazer as encomendas em tempo hábil. Dependendo da mercadoria que você revende, considere que seus estoques podem estar em vários locais diferentes (tanto em seus espaços de armazenamento quanto disponíveis nos fornecedores). Diante desta informação, compreenda que uma boa relação com o fornecedor é fundamental.

No caso de vender em marketplaces ou diferentes tipos de canais, tome o cuidado para não perder o controle. Ou seja, essa consistência nas informações da qual falamos, de forma que o “mesmo produto” não seja vendido para mais de um cliente, atrapalhando a atualização do inventário.

2. Revise periodicamente os custos de manutenção dos estoques

Se você negligenciar a avaliação periódica dos seus custos, acabará perdendo oportunidades para aumentar os lucros. Aqui, estão apenas alguns dos exemplos de técnicas de gestão de estoques que poderiam auxiliar bastante a sua forma de administração:

  • Sistema ABC ou curva ABC;
  • Estoque mínimo ou Sistema de duas gavetas;
  • MRP.

Estudar maneiras, como os padrões que exemplificamos acima, é algo fundamental para se ter um maior controle sobre a administração dos seus estoques. Desta forma, tome as decisões mais favoráveis para que os custos de manutenção do seu e-commerce comprometam menos a sua rentabilidade.

Lembre-se que um processo que funciona para atender 100 clientes pode não se adaptar a um que trabalha para 10.000 clientes! Dessa forma, procure avaliar quais são as soluções que funcionam melhor para o seu modelo de negócio e não se esqueça de incluir os planos futuros para a intensificação de suas operações, caso seja necessário.

3. Faça previsões de demanda e planeje o seu estoque

Um dos maiores problemas enfrentados pelos empreendedores no e-commerce é a falta de dados disponíveis para tomar decisões sólidas. Um erro frequente que muitas empresas cometem é planejar ações de compras junto aos fornecedores, exclusivamente com base nas informações de vendas. Neste aspecto, uma dica valiosa é a utilização dos softwares de gestão e o trabalho com parâmetros e métricas que se adequem à realidade do seu negócio.

Ainda tem dúvidas sobre como controlar o estoque da sua loja virtual? Caso já possua experiência no assunto, adoraríamos saber sua opinião a respeito. Aproveite os comentários e converse com a gente!


+ Nenhum comentário

Adicione o seu