Como criar uma oferta de qualidade para anunciar em marketplaces?


Como criar uma oferta de qualidade para anunciar em marketplaces?
5 (100%) 8 votos

Como criar uma oferta de qualidade para anunciar em marketplaces?

Criar uma boa oferta de produto é o primeiro passo para o sucesso nas vendas em marketplaces. Um anúncio de qualidade consegue atrair consumidores e gerar o incentivo necessário para a concretização da compra. Para isso, ele oferece atributos que vão muito além da mera exposição de preços competitivos.

Se você ainda não sabe como criar uma oferta vencedora para os marketplaces, leia este post até o final e conheça todas as dicas que um bom vendedor precisa saber para faturar mais!

contrate o olist agora mesmo

1) Use imagens reais e de qualidade

As imagens dos produtos no ambiente digital são como a vitrine de uma loja física. Esse é o primeiro item que o consumidor irá analisar quando encontrar sua oferta, por isso, fique atento e publique fotos na melhor qualidade possível.

Dê preferência para imagens com fundo branco, deixando o produto em destaque. Não utilize fotos borradas, desfocadas ou com excesso de informação. Quanto melhor a qualidade da imagem, mais detalhes o consumidor conseguirá visualizar e mais confiável ele se sentirá para adquirir a mercadoria. Lembre-se de que as fotos devem ser representações fiéis do produto que está à venda!

Quer saber como tirar boas fotos para lojas virtuais? Então confira 10 dicas quentes clicando aqui.

2) Crie um título matador

Ao entrar no site de um e-commerce, é grande a chance de que o consumidor utilize a barra de pesquisa para encontrar o que deseja. Para que isso seja positivo ao seu negócio, é fundamental produzir anúncios com bons títulos.

Uma dica prática é anotar palavras-chaves relacionadas ao item anunciado, como funcionalidades e diferenciais do produto. A partir dessa seleção, crie várias opções de frases e escolha a que mais chamaria a atenção do cliente. Pronto! Agora, você tem um título matador para anunciar a oferta e despertar o interesse do seu público.

Evite criar títulos longos e usar termos técnicos, como o código do produto, por exemplo. As informações específicas deverão ser indicadas, mas em um campo determinado para isso. E não esqueça de observar as regras dos marketplaces para a produção de títulos!

Aqui no blog, você também pode conferir um post completo com dicas sobre como fazer títulos de produtos.

3) Preste atenção na categorização

Para que o usuário encontre seu produto, é imprescindível que a mercadoria esteja cadastrada na categoria correspondente. Moda, perfumaria, eletrônicos ou eletrodomésticos, seja qual for o segmento, tenha certeza de que o produto está no local correto.

Use e abuse de palavras-chaves para fazer uma segmentação certeira. Caso outros lojistas também estejam anunciando, verifique em qual categoria os produtos deles estão sendo apresentados. Isso levará o consumidor direto ao que ele busca, que pode ser justamente o item que você está vendendo.

planilha controle logístico4) Prepare uma descrição detalhada

A jornada de venda não acaba assim que o consumidor encontra o seu anúncio nos marketplaces. É preciso fornecer todas as informações relevantes para que ele decida concretizar a compra sem risco de arrependimento.

Liste todas as informações sobre o seu produto, como nome, cor, modelo, marca, características físicas e funcionais. Depois, leia o conteúdo novamente e imagine-se no lugar do cliente. Ficou alguma dúvida? Se a resposta for não, significa que você conseguiu esclarecer o que precisava. Caso contrário, retome a dinâmica até obter um resultado minucioso.

Ao invés de escrever textos longos, busque separar as especificações por tópicos, usando negrito nas palavras que merecem ser destacadas. E lembre-se novamente de conhecer as regras dos canais. Explicamos algumas delas em nosso post sobre como fazer descrições de produtos.

5) Deixe a oferta explícita

Se após cumprir todos os requisitos acima você ainda for capaz de oferecer o melhor preço possível, isso precisa estar explícito na sua oferta. Para isso, os campos “Preço de” e “Preço por” são o seu principal aliado.

Informe os dois dados de modo realista, para que o desconto não pareça irreal ou absurdo. Em alguns casos, o canal irá informar apenas a porcentagem de desconto que está sendo aplicada. O importante é garantir que a percepção do público esteja clara: seu produto está em oferta!

6) Apresente vantagens competitivas

Quais são os benefícios que o cliente potencial tem ao comprar o seu produto e não o do concorrente? Nesta etapa, você pode conquistar o consumidor apresentando facilidades no pagamento e frete.

Oferecer vantagens como o parcelamento ou descontos na compra à vista ou por boleto são algumas táticas muito úteis.

O valor do frete e o tempo de entrega também são fatores determinantes no processo de decisão de compra. Taxas altas e prazo de entrega longo intimidam o consumidor, principalmente se ele tem a possibilidade de adquirir o produto na loja física.

Por isso, opte por trabalhar com empresas certificadas para realizar a distribuição dos seus produtos, levando em consideração preço e prazo de entrega.

Conclusão: boas ofertas conquistam a buy box

Agora que você já conhece todas as etapas para criar uma boa oferta, não se esqueça de abastecer o seu estoque de produtos e aumentar as chances de aparecer na buy box dos marketplaces. Também conhecido como caixa de compra, esse espaço concentra as melhores ofertas em destaque dentro do site. Na maioria dos casos, quem segue as dicas deste post conquista esse espaço nobre. Mãos à obra, cadastre sua oferta vencedora e boas vendas!

Tem outras dúvidas sobre como criar uma oferta vencedora? Então confira nossa série sobre boas práticas para anunciar e vender nos marketplaces!


+ Nenhum comentário

Adicione o seu