E-commerce de cerveja: aumente as vendas da sua loja virtual investindo nesse segmento!


E-commerce de cerveja: aumente as vendas da sua loja virtual investindo nesse segmento!
5 (100%) 5 votos

E-commerce de cerveja: aumente as vendas da sua loja virtual investindo nesse segmento!A cerveja é uma das paixões nacionais dos brasileiros. Somos o terceiro país que mais produz a bebida no mundo, atrás apenas da China e dos Estados Unidos. Além de estar presente em momentos festivos, ela oferece inúmeras oportunidades para os lojistas de e-commerces. Isso vale tanto para aqueles que acabaram de começar quanto para os que já têm experiência e querem investir em novos segmentos de negócio.

Nesse contexto, uma tendência do mercado de cervejas merece destaque: a qualidade das receitas tem sido cada vez mais valorizada pelos consumidores. O lema agora é beber menos, mas beber melhor. É por tal razão que as bebidas premium e artesanais passaram a ocupar um lugar especial nas prateleiras das lojas, mesmo tendo um custo mais alto.

Então por que não aproveitar a expansão de tal segmento para aumentar as vendas da sua loja virtual? Confira neste post as vantagens de investir em e-commerces de cerveja e descubra maneiras de se destacar nesse ramo comercial. Veja também algumas das cervejas mais vendidas no comércio eletrônico brasileiro. Boa leitura!

Contrate o olist agora mesmo

Vantagens de ter um e-commerce de cerveja

Microcervejarias e distribuidores de cervejas especiais estão ganhando cada vez mais espaço no comércio varejista. Isso deve-se principalmente à valorização das bebidas artesanais, que prezam pela qualidade, variedade e sabor marcante. Unidos, esses três fatores têm garantido a satisfação e o engajamento dos clientes.

Para os cervejeiros de carteirinha, ter uma boa experiência de degustação é o que realmente importa – os custos disso não têm tanta relevância. É por tal motivo que as pessoas que realmente gostam de cerveja estão dispostas a investir mais em marcas de qualidade.

Frente a isso, ter um e-commerce dedicado exclusivamente ao mercado cervejeiro é uma excelente opção. Além de vender diferentes marcas de cerveja, a empresa pode comercializar muitos outros produtos relacionados à bebida, como copos, livros, camisetas, pôsteres, chaveiros etc.

Destacamos aqui um detalhe importante: há inúmeras variações da bebida. Pilsen, Lager, Weissbier, India Pale Ale (IPA) e Stout são só alguns dos tipos de cerveja que você pode oferecer na sua loja virtual. Com tantas opções, a sua empresa não ficará restrita a uma única marca, e o cliente certamente voltará, engajado em provar novos rótulos.

Se você ainda não está convencido de que investir no ramo cervejeiro é uma grande oportunidade de negócio, preste atenção nos dados a seguir:

  • O consumo de cerveja entre os brasileiros é de 60,7 litros per capita, conforme levantamento da Euromonitor. Ou seja, os brasileiros bebem muita cerveja.
  • As microcervejarias representam apenas 1% do mercado consumidor da bebida. Isso significa que ainda há bastante a ser explorado, especialmente com foco voltado ao comércio online.
  • O Brasil tem 679 cervejarias, e a maioria delas está concentrada nas regiões Sul e Sudeste, segundo estudo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), publicado em 2018. Assim, se você mora em alguma dessas duas áreas, já tem um público consolidado. Caso esteja em outras regiões, tem um enorme mercado a ser desbravado.

Diante desse panorama, é inegável que o mercado de cervejas tem um grande potencial comercial. Pensando em facilitar ainda mais a sua jornada cervejeira, apresentamos no próximo tópico dicas de como você pode se destacar nesse segmento de negócio. Acompanhe!

Como se destacar no mercado cervejeiro

O primeiro passo para quem quer investir em e-commerces de cerveja pode ser se tornar franqueado de uma marca já consagrada, seja ela brasileira ou estrangeira. Dessa forma, é possível entrar em tal segmento de mercado com mais segurança e credibilidade. Essa opção é especialmente válida para quem ainda está se familiarizando com o universo das cervejas.

Nesse sentido, investir em opções premium é o melhor ponto de partida. Como destacamos, elas têm ganhado bastante visibilidade nos últimos tempos. Algumas das razões para isso são a exclusividade que as cervejas artesanais têm e a qualidade das bebidas, que valorizam a experiência de degustação.

Baixe agora

Para otimizar o desempenho do negócio, também sugerimos que os lojistas aproveitem as campanhas promovidas pelos marketplaces. Datas especiais, como Copa do Mundo, Dia dos Pais e Natal, são ótimos impulsionadores de vendas. Então fique atento a essas ações para se destacar nos mercados virtuais.

Outra oportunidade de negócio é oferecer assinaturas de cervejas aos clientes, seguindo o exemplo de sites como o CluBeer, o Clube de Cervejas e o Clube do Malte. Em tais modelos de negócio, o lojista envia periodicamente aos clientes um rótulo específico ou um kit de produtos em troca da assinatura, que pode ser quinzenal, mensal, semestral etc. Essa é uma excelente forma de fidelizar o público.

Já para aqueles que têm mais afinidade com o mundo cervejeiro, há também a possibilidade de o lojista investir na própria microcervejaria. Obviamente, isso exige muito estudo e adequação às exigências técnicas estipuladas por órgãos como o MAPA e a vigilância sanitária. Além disso, é preciso dispor de recursos financeiros – abrir a própria cervejaria não é barato, já que se trata de uma indústria.

Uma boa notícia é que as microcervejarias passaram a ser enquadradas no Simples Nacional, regime tributário que favorece o desenvolvimento de micro e pequenas empresas. Por meio dessa mudança, a carga de impostos sobre esse tipo de negócio diminuiu consideravelmente em comparação às grandes cervejarias, e isso tem estimulado muitos empreendedores a tornarem-se fabricantes da bebida.

Para finalizar, recomendamos que você fique atento a eventos relacionados à cerveja, como festivais e congressos. Encontros desse tipo são excelentes oportunidades para entender mais sobre o segmento, tirar dúvidas e fazer contatos com outros profissionais da área, além de, é claro, vender mais os seus produtos.

No próximo tópico, listamos 10 cervejas que são muito vendidas no comércio eletrônico do Brasil. Não deixe de ver!

As cervejas mais vendidas no e-commerce brasileiro

Para fornecer referências aos lojistas que estão começando ou que querem ampliar o portfólio de produtos, apresentamos a seguir algumas das cervejas mais vendidas nos e-commerces brasileiros. A lista está organizada em ordem alfabética e não se relaciona ao número de vendas nos mercados virtuais. Confira:

  • Cerveja Blue Moon Belgian White – 355ml
  • Cerveja Delirium Tremens – 355ml
  • Cerveja DeuS Brut des Flandres – 750ml
  • Cerveja Erdinger Weissbier Sport – Sem álcool – 330ml
  • Cerveja Farrapos Sem Glúten – 660ml
  • Cerveja Iron Maiden Trooper ESB – 500ml (lata)
  • Cerveja Iron Maiden Hallowed – 300ml
  • Cerveja Paulaner Oktoberfest – 1L
  • Cerveja Samuel Adams Boston Lager – 355ml
  • Cerveja ValenBier X-Route e Ficción – 600ml

Para ver a lista COMPLETA das bebidas mais vendidas nos e-commerces, confira o material Grandes Listas Olist – Especial Bebidas. Tenha esses produtos em mente no momento de montar o portfólio de produtos da sua loja virtual. Também não deixe de pesquisar novos rótulos e acompanhar as tendências de mercado, tanto brasileiro quanto internacional. Por meio dessas ações, você estará mais antenado e com certeza ofertará os melhores produtos aos clientes!

Um brinde às boas vendas!

Investir no mercado de cervejas é uma ótima opção para quem quer ingressar no comércio online ou aumentar as vendas da loja virtual. Como explicamos neste post, esse segmento está em franca expansão e oferece inúmeras oportunidades de negócio aos lojistas.

Para aproveitar o melhor disso, valorize as bebidas premium e artesanais, que focam na qualidade da receita. Também não se esqueça de fornecer um cardápio de rótulos variado e até outros produtos relacionados a cervejas, como copos, livros e camisetas. Outra dica é disponibilizar o modelo de assinatura de produtos para os clientes.

Se você já entende desse ramo e tem recursos disponíveis, pode investir na própria microcervejaria. Além de criar um produto único, a sua empresa conseguirá alcançar uma visibilidade enorme. No entanto, saiba que você deverá estudar bastante para ter uma receita de qualidade.

Seguindo as recomendações que listamos aqui, você estará muito mais preparado para ingressar no mercado cervejeiro e com toda certeza se destacará da concorrência. Coloque as dicas em prática e boas vendas!

Gostou deste material? Compartilhe a sua opinião nos comentários!


+ Nenhum comentário

Adicione o seu