Saiba tudo sobre a ficha técnica e o código universal do Mercado Livre e aumente a visibilidade dos seus produtos!


Saiba tudo sobre a ficha técnica e o código universal do Mercado Livre e aumente a visibilidade dos seus produtos!
5 (100%) 6 votos

Saiba tudo sobre a ficha técnica e o código universal do Mercado Livre e aumente a visibilidade dos seus produtos!Os lojistas que acompanham as tendências de mercado já sabem que os marketplaces são são ótimos espaços de venda. Atuar nessas plataformas é um grande passo para aumentar o faturamento, mas, para ter um bom desempenho, é preciso se adequar aos padrões de cada uma delas. Com o Mercado Livre não é diferente.

Líder de acessos entre os e-commerces, o marketplace constantemente lança novidades e faz mudanças na plataforma. Uma das mais recentes e significativas foi o fim das descrições de anúncio em HTML. A alteração teve o objetivo de reduzir o tempo de carregamento das páginas – especialmente em dispositivos móveis –, aumentar a visibilidade dos produtos e otimizar o resultado nos buscadores

Com essa modificação, ganharam força as chamadas fichas técnicas, que são tabelas com as principais informações sobre o produto. Nelas, constam as especificações técnicas mais importantes, como marca e modelo.

A seguir, explicamos em detalhes o que é a ficha técnica, como cadastrá-la e de que forma ela pode impulsionar as suas vendas. Acompanhe!

Contrate o olist agora mesmo

O que é a ficha técnica do Mercado Livre

Como dissemos rapidamente no começo do texto, a ficha técnica funciona como um destaque do anúncio no Mercado Livre. Ela é basicamente uma tela que compila as principais informações referentes à mercadoria, tais como modelo, marca, memória interna e potência. Nessa ficha, o marketplace também inclui os reviews feitos pelos clientes.

Saiba tudo sobre a ficha técnica e o código universal do Mercado Livre e aumente a visibilidade dos seus produtos!

Imagem: Reprodução Meli Metric

Já os detalhes adicionais do produto são inseridos na descrição. Lá, o lojista pode fazer um texto para ressaltar os diferenciais da mercadoria e convencer o público a comprar o item. A dica é investir na criatividade para explicar e complementar as informações da ficha técnica.

Entre as especificações que devem ser preenchidas na ficha, a mais importante é o código universal do produto, que nada mais é do que o número de identificação do item. Ele deve ter entre 8 e 14 dígitos e pode vir nos formatos EAN, UPC, GTIN, ISBN, JAN, entre outros. Essa sequência numérica costuma acompanhar o código de barras.

Cada tipo de mercadoria tem um código universal único. É por meio dele que o Mercado Livre consegue identificar o que o lojista está vendendo e as características dos artigos, como dimensão, cor etc. Por isso, todo produto cadastrado no marketplace deve ter uma sequência numérica – ela não será exibida no anúncio.

É importante saber que, com o fim das descrições em HTML, os anúncios antigos não foram atualizados automaticamente. Portanto, é preciso que você faça esse cadastro de maneira manual. Caso contrário, pode ser prejudicado, já que os anúncios ficarão sem as informações destacadas. Mas não se preocupe. O processo é rápido e pode ser feito de forma massiva. Confira o passo a passo no tópico a seguir!

Como preencher a ficha corretamente

Realizar o correto preenchimento da ficha técnica é imprescindível aos lojistas que desejam se destacar no Mercado Livre. Somente os produtos com cadastro completo aparecem no topo das listas do marketplace. Além disso, um anúncio claro e bem feito certamente irá destacar o produto do lojista em meio a uma infinidade de concorrentes.

Para fazer uma ficha técnica de qualidade é preciso ficar atento a alguns elementos importantes. Um deles é o código universal do produto, que, como já dissemos, é aquela sequência numérica que acompanha o código de barras. Se você não tem esse número, a recomendação é entrar em contato com o fabricante ou distribuidor. Mais informações você encontra neste link e também aqui.

Outro requisito é o preenchimento correto da ficha técnica. Insira nela as informações mais importantes do produto – lembre-se de que os outros detalhes você pode colocar em formato de texto normal, na descrição. Fazendo isso, o cliente terá mais confiança para realizar a compra. Não publique o cadastro incompleto: além de deixar o público com dúvidas, isso prejudica a performance do produto no marketplace.

Uma ficha técnica perfeita apresenta os principais atributos da mercadoria, como se fosse um guia do que o produto oferece. Dependendo do tipo de item, algumas das características que o cliente deve encontrar nessa tela são: marca, modelo, dimensões, potência, memória interna, resolução, fabricante etc.

O Mercado Livre também recomenda que o lojista crie variáveis para cada anúncio. Em outras palavras, significa que você deve informar as diversas especificidades que um produto pode ter – tamanho, cor, formato ou material, por exemplo –, desde que isso não afete o preço da mercadoria. Aqui, você pode incluir até 10 fotos. Este vídeo mostra na prática como criar as variáveis.

O passo a passo para completar o preenchimento das fichas técnicas é o seguinte:

Acesse Minha conta > Vá em Anúncios > Clique em Ativos > Selecione os produtos cujas descrições você deseja alterar > Clique em Modificar ficha técnica > Na nova tela que abrirá, complete as especificações faltantes > Clique em Salvar.

Prontinho, fichas atualizadas e completas! Agora, a chance de você ser encontrado pelos clientes é muito maior. Entenda abaixo de que forma as fichas técnicas podem otimizar o seu desempenho nos marketplaces e aumentar o faturamento da sua loja.

Baixe agora

De que maneira as fichas técnicas podem ajudar o seu negócio

A implementação das fichas técnicas tem o objetivo de permitir que os anúncios sejam carregados de forma mais ágil, especialmente nos celulares. Dessa forma, o desempenho dos anúncios em buscadores como Google e Bing é otimizado, e os clientes encontram rapidamente os produtos ideais.

Preencher corretamente a ficha técnica também permite que o anúncio fique bem posicionado no site do Mercado Livre. Isso porque, como já dissemos, apenas as fichas completas e bem feitas ocupam o topo das listas do marketplace. Esse é um grande diferencial para os lojistas que querem se destacar dos concorrentes.

Outro ponto positivo da mudança é a diminuição de perguntas desnecessárias aos lojistas, já que as principais informações referentes à mercadoria já estarão destacadas. Além disso, esse tipo de ação pode aumentar o número de cliques do anúncio e a taxa de conversão – os clientes estarão muito mais propensos a comprar o item porque sabem exatamente o que ele oferece.

Capriche nas fichas técnicas e melhore o desempenho das suas vendas!

A transição entre as descrições em HTML para as fichas técnicas foi realizada com o intuito de melhorar a experiência do usuário. A partir disso, o processo de pesquisa de produtos ficou mais rápido e prático, e as informações principais ganharam maior destaque.

A mudança também foi muito positiva para as empresas parceiras do marketplace. Além de aumentar a taxa de conversão dos anúncios, a ficha técnica poupa esforços dos lojistas, que não precisam mais responder a tantas perguntas do público.

No entanto, é importante que os empresários preencham as fichas com esmero para que elas efetivamente sejam úteis aos clientes. Para isso, a dica é listar os principais atributos técnicos da mercadoria – marca, modelo, dimensão, fabricante etc. Também invista em variáveis para indicar as variedades do produto, como cor e formato.

Tendo essas recomendações em vista, você conseguirá publicar fichas técnicas completas e esclarecedoras, o que certamente irá melhorar o desempenho dos seus produtos no Mercado Livre. Portanto, mãos à obra: coloque os ensinamentos em prática e acompanhe os resultados!

Gostou deste post? Aproveite para entender tudo sobre o Mercado Crédito, o novo serviço do Mercado Livre!


+ Nenhum comentário

Adicione o seu