Gestão integrada no ecommerce: o que o processo produtivo tem a ver com suas vendas


Gestão integrada no ecommerce: o que o processo produtivo tem a ver com suas vendas
Avalie este post

Gestão-integrada-no-ecommerce:-o-que-o-processo-produtivo-tem-a-ver-com-suas-vendasEmpreender em um e-commerce é uma tarefa que exige mais do que conhecimento dos produtos comercializados e tato para o marketing: capacidade de gerir de forma ampla também é um predicado que os gestores devem possuir. Isso ocorre em função dos cuidados indispensáveis com os controles de estoque, da boa atuação dos envolvidos nos processos e, principalmente, do bom atendimento aos clientes que confiam em sua marca. Nosso post de hoje abordará a importância de uma organização integrada no e-commerce e como isso pode beneficiar suas vendas. Confira!

Agilidade e precisão

Esses dois princípios fazem parte da dinâmica do mercado de e-commerce, tendo em vista a exigência dos clientes em relação a essa modalidade de comércio. Quanto mais rápido (e com menos problemas logísticos) o empreendimento consegue ser, mais atraentes o produto e a marca se tornam. Para que essa harmonia ocorra, o processo produtivo deve estar muito bem alinhado com a gestão de estoques e políticas de envio de mercadorias. Assim, uma integração bem sintonizada entre todas as etapas da cadeia de suprimentos é fundamental para a obtenção de feedbacks positivos dos compradores e, consequentemente, para o crescimento da marca no mercado. Lembre-se de que nenhum produto se vende sozinho.

contrate o olist agora mesmo

Atenção com as etapas do processo logístico

O e-commerce exige ações bastante minuciosas no aspecto logístico, tendo em vista a quantidade de pedidos, o trabalho com volumes pequenos e unitários e a necessidade de ver e rever processos, tudo dentro da necessidade de atender ao cliente o quanto antes. O ideal nesse processo é ter condições de acompanhar cada ordem de serviço gerada para cada etapa de modo particular, de forma que quaisquer intercorrências —como mercadorias avariadas, cancelamentos de compra por parte do cliente, alterações de notas fiscais, solicitação de embalagens para presentes e outras particularidades de cada pedido — sejam resolvidas com agilidade. Dessa forma, não há interferência na credibilidade junto ao cliente, pois há a possibilidade de uma rápida comunicação mediante qualquer alteração no curso normal do pedido.

A gestão integrada no e-commerce entre a logística e a estratégia comercial

Estamos falando da coerência entre o investimento realizado entre ações comerciais, como marketing digital e outras formas de divulgação, e a capacidade logística do e-commerce. A gestão integrada no e-commerce pode fazer toda a diferença no atendimento ideal aos clientes, tendo em vista que, quanto mais se investe em marketing, maior é a possibilidade de que as vendas cresçam. O aumento de vendas, que seria motivo de comemorações, pode acabar se transformando em um grande problema quando a gestão não possui a devida organização e os estoques acabam não acompanhando o crescimento do empreendimento. Isso pode fazer com que o atendimento aos clientes seja prejudicado quanto à disponibilidade de produtos, tempo de entrega, entre outras irregularidades. No fim, essas intercorrências acabam gerando certa desconfiança na marca.

Bem, é isso que nós pensamos a respeito da forma ideal de gestão de e-commerce, que deve ter todos os seus processos integrados, pois impactam diretamente na satisfação dos clientes e na credibilidade da marca.

Mas e você? Concorda? Aproveite e deixe seus comentários abaixo e compartilhe suas experiências e dúvidas conosco. Depois, aprenda ainda mais sobre organização de e-commerce com a nossa planilha de estoque. Aproveite!


+ Nenhum comentário

Adicione o seu