Marketplace: como o Olist pode ajudar as agências de performance?


Marketplace: como o Olist pode ajudar as agências de performance?
5 (100%) 1 voto

Marketplace: como o Olist pode ajudar as agências de performance?

Uma agência de performance pode otimizar o desempenho dos seus clientes utilizando o Olist?

Caso os clientes em questão sejam e-commerces, é bem provável que sim.

Aliado a táticas como investimento em retargeting, parcerias com afiliados, presença em comparadores de preço e campanhas em redes sociais e links patrocinados o Olist pode ser o diferencial para potencializar os resultados.

Mas, antes de entender como podemos ser úteis nesse processo, você precisa compreender qual o papel dos marketplaces na estratégia de expansão das vendas de uma loja virtual.

Esse é o objetivo deste post: explicar todos esses elementos em detalhes. Então vamos lá!

contrate o olist agora mesmo

Relação entre marketplaces e aumento nas vendas

Há vários fatores que fazem dos marketplaces um ótimo mecanismo para ampliar a escala de vendas de qualquer loja virtual.

O primeiro deles é o trafego. Os maiores sites varejistas do país recebem, juntos, mais de 70 milhões de acessos únicos por mês.

Isso faz com que as lojas que estão presentes nesses canais ampliem drasticamente as chances de venda, atingindo uma audiência muito maior.

Para a agência, isso equivale a uma ação que eleva a visibilidade do cliente sem gerar CPM (custo por mil impressões).

Como consequência natural da maior exposição, o investimento em marketplaces também resulta em maior abrangência nas vendas da loja online.

Clientes de todo o país fazem compras nas grandes redes varejistas, fato que nem sempre ocorre em e-commerces de menor porte.

Outro ponto favorável da aposta neste canal é a credibilidade perante o consumidor final.

A maioria dos marketplaces tem marcas associadas a nomes populares do varejo físico, que já fazem parte do cotidiano dos consumidores. Por essa razão, esses sites tendem a ser os mais lembrados na hora da compra.

Com isso, ao invés de investir em ações de branding para fortalecer a imagem de um cliente, as agências podem priorizar os marketplaces, permitindo resultados muito mais ágeis e com custo menor.

Por fim, outra vantagem dos marketplaces é o modelo de remuneração: só é necessário pagar uma comissão, incidente após a concretização das vendas.

Para a agência isso equivale a lógica do CPA (custo por aquisição do cliente), ou seja, o cliente só paga após o resultado. 

Uso do Olist dentro da agência

venda_mais_com_olistEmbora os marketplaces sejam uma ótima opção para e-commerces que precisam ampliar a performance, trata-se de uma operação que requer atenção.

Antes de mais nada é preciso realizar negociações individuais com cada canal de venda, o que exige tempo e investimentos.

Com o contrato estabelecido, a etapa seguinte é cadastrar os produtos nos canais de venda, respeitando as regras e o prazo de publicação.

Por fim, é necessário acompanhar o andamento das vendas, bem como a atualização constante de dados de estoque e preço.

Todas essas tarefas podem ser muito complexas para o lojista, por envolverem diversas variáveis e plataformas.

Para simplificar todas essas etapas, as agências de performance podem recorrer a soluções abrangentes e descomplicadoras, como o Olist.

O primeiro benefício será a agilidade na entrada dos lojistas dentro dos marketplaces. Por meio de uma única negociação contratual é possível expor os produtos dos clientes em mais de dez grandes sites varejistas do Brasil.

Toda a gestão de cadastro de produtos, controle de pedidos, envios e pagamentos também ficará centralizada em uma única plataforma, simplificando o processo de controle por parte do cliente.

Assim, a agência pode entregar resultados para o cliente de forma muito mais rápida e expressiva.

Conclusão

Com a consolidação das vendas em marketplaces no Brasil, esse canal de venda tende a se tornar cada vez mais uma ferramenta de alta performance para e-commerces de menor porte.

Dentro dessa perspectiva, as agências podem surgir como facilitadoras desse processo, incorporando esse serviço em seu portfólio de serviços.

Esse tipo de ação já é implementada por agências atuantes em países onde os marketplaces já são predominantes, como os Estados Unidos.

E utilizando o Olist todo o controle e implementação dessa estratégia fica muito mais fácil e descomplicado, sem exigir grandes investimentos ou uma operação muito complexa para o cliente final.


Ainda tem dúvidas sobre as vantagens em vender em marketplaces utilizando o Olist? Então confira esse post que explica por que somos a maior comunidade online de vendas do Brasil.


+ Nenhum comentário

Adicione o seu