sábado, 11 julho, 2020
Início Como divulgar Nova tarifa do Mercado Livre: TUDO sobre os custos e a comissão

Nova tarifa do Mercado Livre: TUDO sobre os custos e a comissão

17

Nova tarifa do Mercado Livre: TUDO sobre os custos e a comissão

Este artigo também é para você que recebeu a mensagem: Hoje alteramos os custos por venda dos anúncios de menos de R$120 do Mercado Livre.

O Mercado Livre anunciou recentemente uma nova tarifa para os lojistas que utilizam a plataforma. Basicamente, a partir de agora haverá uma cobrança fixa por venda, somada à comissão já existente. A mudança entre em vigor em 2 de julho e vale apenas para itens com valor abaixo de R$ 120, ou seja, a política de frete grátis para itens acima de R$ 120 continua válida.

Se você quer entender essas novidades e também saber os custos e a comissão para vender no Mercado Livre, este post traz a resposta.

Anuncio com as novidades do Mercado Livre: Mudaremos os custos por venda dos seus produtos de preço inferior a R$ 120 Você pagará a porcentagem de sempre e um custo fixo de R$5 por unidade vendida. Você sempre saberá os custos de todas as suas vendas com antecedência.


Quais os custos e comissões da venda no Mercado Livre

Antes de entender como funciona a nova tarifa, não custa recapitular os custos e o valor da comissão geral de venda no Mercado Livre.

A criação de um anúncio no Mercado Livre é gratuita. Entretanto, caso o lojista deseje maior exposição para os produtos, poderá escolher outros modelos de anúncio, pagando uma comissão. O quadro abaixo resume todas as opções:

Custos de anuncios no Mercado Livre

Entendendo a nova tarifa do Mercado Livre

Conforme o Mercado Livre as mudanças respondem ao feedback dos próprios lojistas e tem o objetivo de garantir maior previsibilidade aos custos das vendas. A empresa também afirma que isso permitirá lidar com os reajustes de preços dos Correios e ampliar a oferta de frete grátis para os consumidores.

A partir de agora, todas as vendas com valor abaixo de R$ 120 serão acompanhadas de uma cobrança fixa no valor de R$ 5, somada a comissão já existente. O frete gratuito para o lojista e o consumidor só ocorrerá caso mais de uma unidade seja adicionada ao carrinho, ultrapassando R$ 120. A cobrança vale para todos os vendedores, independente da reputação da loja.

Custo para itens abaixo de R$120 no Mercado Livre

Vamos a alguns exemplos práticos para facilitar a compreensão.

Exemplo 1

VALOR DO ITEM: R$ 80
TIPO DE ANÚNCIO: CLÁSSICO (11% DE COMISSÃO)

Caso apenas uma unidade seja vendida, o valor total pago ao Mercado Livre será:
R$ 80 x 11% + R$ 5 =

R$ 8,80 + R$5 = R$ 13,80 

Em alguns casos pode ser necessário adicionar o valor do frete, conforme o tipo de anúncio criado.

Caso mais de uma unidade seja vendida, o frete se torna gratuito (pois excede R$ 120 no pedido) e será preciso adicionar R$ 5 por item negociado.

Exemplo 2

VALOR DO ITEM: R$ 80
TIPO DE ANÚNCIO: PREMIUM (16% DE COMISSÃO)

Caso apenas uma unidade seja vendida, o valor total pago ao Mercado Livre será:
R$ 80 x 16% + R$ 5 =

R$ 12,80 + R$ 5 = R$17,80

Em alguns casos pode ser necessário adicionar o valor do frete, conforme o tipo de anúncio criado.

Caso mais de uma unidade seja vendida, o frete se torna gratuito (pois excede R$ 120 no pedido) e será preciso adicionar R$ 5 por item negociado.

Exemplo 3

DOIS ITENS NO MESMO PEDIDO: UM NO VALOR: R$ 80 E OUTRO NO VALOR DE R$ 130
TIPO DE ANÚNCIO: CLÁSSICO (11% DE COMISSÃO)

Nesse caso a comissão deverá ser calculada individualmente.

Item 1:
R$ 80 x 11% + R$ 5 =

R$ 8,80 + R$ 5 = R$13,80

Item 2:

R$ 130 x 11% = R$ 14,30

TOTAL PAGO:

R$13,80 + R$ 14,30 = R$ 28,10

Nesse caso o comprador terá direito a frete grátis (pois o total do pedido excede R$ 120), mas o lojista pagará o frete relativo ao item 2.

Conclusão: não há motivo para pânico

As mudanças realizadas pelo Mercado Livre não precisam ser motivo de pânico para os lojistas. Basta levar em conta a cobrança da nova taxa ao realizar a precificação. Além disso, também é possível apostar em estratégias de aumento do tíquete médio, como a montagem de kits de produtos, pois assim a taxa fixa será paga uma única vez. Isso garante maior previsibilidade nas receitas, sem que haja prejuízo a competitividade do negócio.

Ainda tem dúvidas sobre como vender mais no Mercado Livre? Confira este post que fornece dicas úteis!

Venda mais com o Olist

17 comentários

  1. “Conclusão: não há motivo para pânico”

    Na minha opinião, há motivo para pânico sim, pois depois de 16 anos vendendo produtos de pequeno valor no site, infelizmente terei que deixá-lo. Vendo cartelas de adesivos que custam a partir de R$ 5,00 e os clientes gostam de poder comprar apenas 1 ou 2 cartelas, conforme suas necessidades. Se eu somar R$ 5,00 ao valor unitário de cada cartela, como irei vender? A cartela mais barata simplesmente dobrará de valor! Com mais este tiro no pé, forçando uma taxa fixa de R$ 5,00 independente do valor da venda, o site quer eliminar os produtos baratos.

    • Olá Filipe, tudo bem? Entendo seu ponto de vista, mas uma opção é seguir a própria sugestão do Mercado Livre e montar kits de produtos, diluindo o valor pago pela tarifa. Obrigado pela participação!

  2. Como assim não tem motivo pra pânico? É mais facil então colocar a regra de que o mercado livre só venderá produtos acima de 120 reais. Kits de produtos é forçar o consumidor a comprar mais, mas o mercado não funciona assim.. Se eu não tenho dinheiro, eu não compro, simples assim. Palhaçada demais isso, tá na hora de surgir outra plataforma pra tirar a gestão incompetente do mercado livre da zona de conforto

  3. Alguém sabe dizer quais eram os custos Clássico e Premium antes dos 11 e 16% respectivamente, e quando foi feita a mudança?

    No mais, concordo com os demais. Forçar o cliente a pagar mais caro ou comprar mais de um produto não é o certo.

    Obrigado.

  4. Infelizmente tive que pausar meus anúncios. Quase 100% dos meus produtos custam menos de 120,00 reais. Não compensa em nada! Não irei arcar com esse acréscimo e permitir que o cliente pague esse valor abusivo.
    Depois dessas mudanças que vem ocorrendo na plataforma as vendas caíram drasticamente. Enquanto não houver uma oferta melhor não vendo mais por lá.

  5. Um absurdo, já não bastava o aumento do frete agora mais essa. Paramos de vender produtos baratos ou o consumidor vai pagar por mais essa. Uma outra sacanagem que venho notando, é a cobrança de um valor x no frete, mas toda vez, sempre fica mais barato no comprovante dos correios, coisa de 5 a 8 reais a mais sendo cobrado.

  6. Um absurdo mesmo também tenho vários produtos com valor abaixo de 120,00 e para continuar a vender terei que aumentar mais o valor, pois numa venda de um produto exemplo de R$ 25,00 x 11% (2,75) + R$ 5,00 por venda da um total de R$ 7,75 isso só de comissão que tenho que pagar para o Mercado Livre e o que me sobra é R$ 17,25, quanto que o Mercado Livre acha que ganhamos em cima de cada produto. Mesmo que eu colocando 100% num produto vendido de R$ 25,00, este produto eu paguei R$ 12,50 que seria meu lucro agora descontando a comissão de R$ 7,75 que pago para o Mercado Livre eu ganho R$ 4,57, agora soma isso em tudo que o Mercado Livre vende diariamente

  7. Odair concordo com vc correto, nunca vende nada, nem tem a experiencia de vendas no ML, tava pensando em vender algo, consegue uma renda extra, mas nessas condições vou desistir.

  8. Acabo de desistir em vender no ML!! Afi que absurdo! Quem criou o ML foram os pequenos vendedores, agora o ML os expulsam na cara dura. Uma coisa é certa, a lei do retorno não falha. Vocês vão pagar por isto. Triste isso que está acontecendo. ????

  9. Estou decepcionada com o ML, acabei de realizar uma venda de um produto com baixo valor por meio de anúncio Grátis… Tudo bem, eu não me informei, mas estava ciente que algumas mudanças haviam ocorrido e agora pago o custo da ignorância… Mas sinceramente ainda não consegui compreender porque além da taxa de 4,99 referente a tarifa do envio, me foi cobrado 11% como se meu anúncio fosse do tipo Clássico… Será que após um longo tempo na plataforma ele se modifica para o tipo Clássico? No momento estou receosa em continuar trabalhando com eles, por gentileza você pode me dar uma sugestão de plataforma para venda de produtos usados por menos de R$ 100,00?

  10. Um absurdo. um desrespeito com o consumidor, pois ou nós vendedores aumentamos o valor, repassando para o consumidor, ou ficamos no prejuízo. Está na hora de aparecer outra plataforma, pois o Mercado Livre está abusando por ser a única.

  11. Não consegui uma informação aqui
    Se eu vou vender um produto tipo; uma moto
    Valor $12000
    Quero vender parcela e o cliente vai pagar os juros do cartão normalmente. Blz
    Agora eu que vou vender, tenho alguma taxa pra pagar ?

  12. Veja se não motivo pra panico, vendi um kit de produto pelo mercado livre, valor R$ 2400
    olha as tarifas :
    custo de gestao de vendas R$ 59,49 ( oque seria isso ?)
    tarifa de venda : R$ 204, 52
    Tarifa de emvio R$ 99,90 ( detalhe os Correios cobraram R$ 57,00)
    total R$ 363,01.
    estou migrando para o amazon, e usando o mercado livre apena como vitrine.

Deixe seu comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui