Quando devo contratar alguém somente para cuidar da logística do meu negócio?


Quando devo contratar alguém somente para cuidar da logística do meu negócio?
Avalie este post

Quando devo contratar alguém somente para cuidar da logística do meu negócio?

O e-commerce brasileiro vem ganhando destaque e atraindo novos empreendedores, principalmente com as facilidades de vendas, como os gateways de pagamento, certificações de segurança dos sites e a possibilidade de utilizar um marketplace – vitrine virtual de algum grande varejista para realizar suas vendas. Mas todas essas facilidades podem gerar novos desafios, como é o caso do processo de logística.

Sabe como gerenciar as suas entregas de modo eficaz? Confira algumas dicas valiosas para que você possa vender tranquilamente os seus produtos na internet, sem se preocupar com problemas de logística!

1. Conheça o processo de logística antes

Você não precisa ter especialização na área, mas é sempre importante que o empreendedor digital conheça todas as áreas do seu negócio. O mesmo vale para os processos de logística, é importante que você saiba como gerenciar corretamente o seu estoque, quando realizar as postagens, quais empresas de entrega utilizar e oferecer serviço de rastreamento das encomendas para os clientes. Se você está gerenciando o seu negócio por conta, é de extrema importância que você tenha um sistema de ERP para gerenciar as quantidades, envios, faturamento e demais atividades administrativas.

2. Saiba o momento correto para contratar um profissional

Uma dica importante é que, a partir do momento que a sua empresa gerar mais de 20 vendas por dia, se tornará importante ter uma pessoa para se dedicar meio período por dia para realizar os despachos. Quando atingir mais de 50 vendas por dia, é importante que esta pessoa trabalhe o período inteiro para atender às todas as solicitações. Para realizar este controle sem dores de cabeça, é preciso estipular prazos durante o processo de vendas que não prejudiquem as atividades desse profissional de logística.

contrate o olist agora mesmo

3. Não se esqueça do pós-vendas

O e-commerce tem inúmeras vantagens, mas não se esqueça de que o consumidor ainda não teve nenhum contato físico com os seus produtos. Muito provavelmente, ocorrerão trocas, então esteja preparado para receber as solicitações de troca dos clientes, processar esta transação e realizar o reenvio dentro dos prazos acordados para as trocas. Além de pensar nas entregas do dia a dia, o seu colaborador responsável pelos processos de logística deverá ter tempo para processar as trocas e realizar os trâmites necessários.

4. A embalagem para os seus produtos é essencial

Assim como você será cobrado pela empresa de entregas pelas dimensões e peso da mercadoria que enviará para o seu cliente, terá que garantir que o produto chegue inteiro. Independente do processo de manuseio e envio, a embalagem dos seus produtos é uma parte importante do processo de logística e demanda planejamento para garantir que o seu cliente receba a mercadoria em ótimo estado.

5. Calcule o frete para o cliente

O processo de logística precisa ser pago e isso pode ser dividido com o seu cliente. Ofereça no seu site a possibilidade do cliente calcular o valor do frete, independente da localização dele.

Para isso, é importante que você possua contratos com uma empresa ou várias que realizem entregas nas regiões em que você atua. Segundo dados da ABComm (Associação Brasileira de E-commerce), cerca de 70% das empresas de e-commerce encerram as atividades por falta de planejamento ou capacitação. Ou seja, deixar de entregar um produto no prazo, entregar errado ou avariado é mais comum do que imaginamos.

Ainda tem dúvidas de  quando deve contratar alguém para cuidar do processo de logística do seu e-commerce? Existe alguma experiência que gostaria de compartilhar? Aproveite os comentários e participe dessa conversa!


Categories

+ Nenhum comentário

Adicione o seu