Como utilizar a internet para vender direto da fábrica?


Como utilizar a internet para vender direto da fábrica?

Não, esse não é um post sobre dropshipping.

Se você está interessado em revender produtos de outros fabricantes pela internet sem possuir estoque físico, esse texto não fornecerá nenhuma dica relevante.

Já falamos aqui no blog sobre os riscos de se praticar o dropshipping nas vendas em marketplaces.

Por outro lado, se você possui uma fábrica e quer ampliar as vendas sem perder clientes, pode continuar a leitura.

Não são raros os casos de fabricantes que desejam atuar no varejo para aumentar o faturamento.

Entretanto esse objetivo esbarra em questões como o alto investimento para criar uma cadeia de distribuição ou o temor de que isso prejudique a relação com os clientes.

Investir nas vendas em marketplaces pode ser a solução ideal para contornar esses problemas. Neste post você vai entender o porquê.

banner-blog6_2

Ampliar a visibilidade sem grandes investimentos 

O ideal para uma indústria é atuar no varejo sem que isso tire o foco da atividade principal do negócio, que é a produção de bens.

Entretanto, para garantir o sucesso nas vendas online é necessário um grande esforço na geração de tráfego e na construção de uma marca.

Ao vender nos marketplaces isso se torna mais fácil, pois as grandes redes varejistas já têm uma imagem consolidada junto ao público.

Também não é preciso se preocupar com a infraestrutura tecnológica da plataforma de vendas, arcando com despesas como manutenção ou marketing.

E, como a venda direto da fábrica não possui intermediários, a possibilidade de apresentar preços competitivos para os consumidores é muito maior.

Assim o fabricante tem todas as condições de faturar mais com um risco e um gasto muito menor. 

Manter uma relação cordial com os clientes

Muitos fabricantes desistem de atuar no varejo temendo que isso possa prejudicar a relação com os clientes da indústria.

Novamente os marketplaces são uma alternativa para evitar esse “efeito concorrência”.

Como essa modalidade de venda é relativamente nova no Brasil, é possível que os clientes da marca ainda não estejam atuando neste canal.

Além disso, a indústria pode utilizar um nome comercial diferente para as vendas ao consumidor final, evitando a disputa direta de mercado.

contrate o olist agora mesmo

Olist: o caminho mais fácil para começar a vender
 

Mais do que investir nos marketplaces, o uso de ferramentas descomplicadoras como o Olist pode ser fundamental para o sucesso nas vendas online.

Realizando uma única negociação é possível anunciar nas principais redes varejistas do país de uma só vez.

Também não é preciso se preocupar com gastos logísticos ou negociação com os Correios, já que a cada venda concretizada é possível emitir uma etiqueta de postagem, sem custos.

Além disso, toda a operação de venda conta com o suporte de um time especializado em vendas online, garantindo a execução das melhores estratégias de comercialização e suporte ao cliente. 

Conclusão

Os marketplaces oferecem inúmeras vantagens para as indústrias que desejam vender pela internet.

É possível ampliar o faturamento sem comprometer o desempenho geral da fábrica, criando uma fonte extra de receita para o negócio.

Apesar disso, é essencial garantir uma gestão profissional das vendas, visando a satisfação total de revendedores e clientes finais.

Contando com o desembaraço oferecido pelo Olist isso se torna muito mais fácil, permitindo ganhos muito mais rápidos.


Gostou desse artigo? Então não deixe de acompanhar nossas redes sociais para se manter informado!

+ Nenhum comentário

Adicione o seu